39% dos comerciantes acreditam em vendas melhores para o Natal de 2017

Os comerciantes brasileiros estão mais otimistas em relação as vendas de Natal e fim de ano, mas ainda investem pouco em contratação

Os comerciantes brasileiros estão mais animados com o Natal deste ano. Pesquisa feita pela SPC Brasil em parceria com a CNDL indica que 39% dos empresários do comércio apostam que as vendas de fim de 2017 serão melhores que as do ano passado.

O volume de vendas também deve ser positivo, um crescimento de 0,8% do que foi feito no ano passado. A estimativa é comemorada pelo mercado, pois os empresários apostavam na queda de 1,8% vendas no Natal deste ano.

Entre os entrevistados, 22% acredita que as vendas serão piores que o ano passado, dez pontos percentuais a menos que em 2016. Já para um terço dos empresários (33%) as vendas vão se manter estáveis.

Contratação

Apesar do otimismo com as vendas, apenas 15% dos comerciantes já contrataram ou vão contratar mão de obra extra para o período. A porcentagem corresponde a 32,2 mil novas vagas entre temporários, informais, efetivos e terceirizados.

Entre os contratantes, 79% o principal motivo das contratações é suprir a demanda aquecida no período de Natal. O salário médio que será pago é de R$ 1.405. Já os que não devem contratar somam 81% da amostra.

Para 49% dos que não vão contratar funcionários decidiram porque já está satisfeito com a capacidade de atendimento da equipe. A percepção de que o movimento não deve alterar é motivo para 18% e a falta de verba para 10% dos comerciantes.

Posts Relacionados