10 lições que o varejo deve aprender para crescer agora

Estudo da KPMG mostra o que os varejistas precisam fazer para conseguir ganhar espaço em um mercado pautado pela transformação digital. Veja infográfico:

A transformação digital é um caminho sem volta no mercado. Não à toa ela pauta o futuro de qualquer negócio. As cinco grandes tendências que moldarão o varejo do futuro, de acordo com o time global da KPMG, e mostrou que todas elas caminham no sentido de tornar as relações, processos e negócios mais digitais. Conhecer as tendências ajuda, mas não basta. Como coloca-las em prática em tempos em que tudo se movimenta tão rápido?

Segundo Marcos Vinicius Gonçalves, sócio responsável pelo setor de varejo da KPMG, o setor deve aprender algumas lições para colocar essas tendências em prática. Mas antes disso deve fazer uma lição de casa. “É preciso ter um plano claro, uma visão clara do que se espera obter com cada ação. Não é simplesmente agir de acordo com uma tendência, mas entender o que o negócio espera obter com aquele investimento”, afirma.

O que o negócio espera é a primeira pergunta a ser feita. “Se decido que vou investir em tecnologia, mas não sei para que vou utilizar as informações obtidas a partir dela o investimento não adianta. Preciso entender o todo”, diz. A partir daí, é preciso criar uma forma de medir se os investimentos feitos estão trazendo os retornos esperados.

Outro ponto importante mencionado por Gonçalves é não investir tudo em uma única ação. “Não dá para investirmos 100% dos nossos esforços em uma única ação porque não temos certeza se essa ação pode dar o retorno esperado. Além disso, a base de consumidores é tão diversificada que não necessariamente uma única ação vai atender a todo mundo”, afirma. “Claro que não temos como afirmar com toda a certeza o que os consumidores querem, mas estabeleça prioridades e siga isso”, diz.

As lições

No infográfico abaixo confira as lições que o varejo deve aprender agora para crescer.

Posts Relacionados